fbpx
a-ti-mãe

A Ti, Mãe

Surpreendente se for diferente.
O que mãe não faz pela gente?
Nela há sempre porto seguro.
Incondicional amor profundo.
Amostra divina na terra evidente.

Rápido o tempo passa por aqui.
E tarde se vê o valor que ela tem.
Gratidão, mãe, é pouco a ti.
Inaudito comparar-te a alguém.
Não importa se perto ou não.
Aqui comigo sinto teu coração.

Tudo que tento escrever é nada.
Ela ao amor de Deus é comparada.

Adulto que sou, criança que era.
Mãe, és a mesma, sem menos me amar.
Olha, quem dera, hoje te abraçar.

Pr. Raphael Melo

Escrito em homenagem a todas as mães, do ventre e do coração. Mas dedicado, em especial, à minha mãe, Sônia Regina.

Já tem todos os meus livros??? bit.ly/2olLWqA

(Visited 21 times, 1 visits today)

Comentários do Facebook

Post anterior
Respostas Altas Demais
Próximo post
Ouvindo Vozes

Posts Relacionados

Nenhum resultado encontrado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Menu