fbpx
Cobiça: A Raiz do Pecado

Cobiça: A Raiz do Pecado

Artigos
2 Comentários

“Cada um, porém, é tentado pela própria cobiça, sendo por esta arrastado e seduzido. Então a cobiça, tendo engravidado, dá à luz o pecado; e o pecado, após ter-se consumado, gera a morte.” Tiago 1:14-15

A tentação é um estímulo que atrai o homem a um ato que desagrada a Deus. Todo ser humano é tentado. Como afirma a bíblia, nem Jesus escapou de ser tentado, mas em nenhum momento pecou. Ser tentado faz parte da caminhada cristã. A luta contra o pecado forja o caráter do cristão, aproximando-o de Deus para que consiga sair vitorioso.

A cobiça é o desejo ardente de possuir ou conseguir alguma coisa. É normal como ser humanos termos desejo por coisas dessa vida, mas a cobiça é um “desejo ardente”, ou seja, é não medir esforços e atitudes para obter o que se deseja e, como humanos caídos pelo pecado original, desejamos o que é mal na maioria das vezes.

O inimigo do homem não é o diabo, mas ele mesmo. O diabo é um oportunista, que influência e potencializa a maldade que já é inata no ser humano.

O texto de Tiago afirma claramente que a cobiça humana é o start para pecado. O desejo desenfreado seduz e arrasta o homem para a atitude que concretiza o pecado. Esse não confessado e abandonado consuma-se em morte eterna.

O que é extremamente importante que se entenda é que o pecado não acontece no ato. Na verdade o ato concretiza algo que já foi concebido antes na mente e no coração. Peca-se primeiro no coração e depois concretiza na atitude. A simbologia com a gravidez no texto de Tiago é perfeita. Uma mulher dá a luz uma criança que na verdade já existe a 9 meses. A cobiça é o pecado em gestação dentro do coração e precisa ser “abortado” antes que venha a ser consumado em atitude.

É claro que nem tudo que desejamos é mal. A cobiça é o DESEJO ARDENTE por alguma coisa, ou seja, você não consegue lidar com a possibilidade de não ter o que deseja e por isso faz qualquer coisa para conseguir o que se deseja.

Reflita sobre isso! Pare de culpar o diabo por seus pecados. Jesus venceu na cruz e lhe deu total condição para matar o pecado enquanto cobiça. Deseje a vontade de Deus para sua vida, como Jesus, e a tentação não encontrará repouso no seu coração. Que você possa dizer como Jesus: “…o príncipe deste mundo está vindo. Ele não tem nenhum direito sobre mim.”.

“Pois tudo o que há no mundo — a cobiça da carne, a cobiça dos olhos e a ostentação dos bens — não provém do Pai, mas do mundo.” 1 João 2:16

Paz!

Pr. Luciano Thomé

P.S.: Por favor, se você gostou desse artigo, comente abaixo e compartilhe-o agora mesmo no Facebook, e seja instrumento de Deus para que mais pessoas sejam tocadas por essa mensagem. Muito obrigado! 🙂

Comentários do Facebook

Post anterior
Entendendo o que é Pregar o Evangelho
Próximo post
Assim eles Venceram

Posts Relacionados

No results found

2 Comentários. Deixe novo

  • MAS ESTA ESCRITO EM 1 CORINTIOS 10. 13

    Não sobreveio a vocês tentação que não fosse comum aos homens. E Deus é fiel; ele não permitirá que vocês sejam tentados além do que podem suportar. Mas, quando forem tentados, ele lhes providenciará um escape, para que o possam suportar.

    1 Coríntios 10:13

    COMO É QUE VOCES PODEM DIZER QUE EXISTE UM SER CHAMADO DIABO QUE FAZ AS PESSOAS TEREM INVEJA , MAUS DESEJOS ETC… ?

    Responder
    • Você não entendeu o artigo. A tentação vem ao homem por sua natureza caída e inclinada para o mal. O diabo, se aproveita e persuade o homem a fazer aquilo que ele já é inclinado a fazer. Paz!

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Menu